Preparámos uma receita de panquecas deliciosa e que não faz mal aos dentes, porque não tem açúcar!

As bactérias que existem na nossa boca são muito gulosas e alimentam-se de açúcar. Elas transformam o açúcar em ácido que destrói o esmalte dos dentes. Por isso quanto mais vezes as crianças comerem alimentos açucarados, mais produção de ácido existe e mais destruição do esmalte. Este processo leva ao aparecimento da cárie dentária. Os dentes precisam de tempo entre as refeições para recuperar os minerais perdidos, depois de cada ataque dos ácidos.

Por isso, mais do que a quantidade é importante a periodicidade. Comer açúcar poucas vezes ao dia. É preferível comer mais quantidade de uma vez só do que andar sempre a petiscar!

Adopte este lema: aumentar a quantidade (qb claro!) e diminuir a periodicidade! 

Aumentar a quantidade e diminuir a periodicidade

Os hidratos de carbono são essenciais para o crescimento e desenvolvimento, mas o consumo em exagero pode levar à cárie dentária.

Existem dois tipos de hidratos de carbono:
  1. açúcares simples (glicose, frutose, e galactose)
  2. dissacarídeos (sacarose e lactose)
Nem todos os hidratos de carbono que fazem parte da deita humana, possuem o mesmo potencial cariogénico (potencial de provocar a doença cárie).
As cáries precoces de infância estão associadas com o consumo frequente de sacarose, glicose e frutose, sendo a sacarose o açúcar mais perigoso.
Alguns alimentos, mesmo sem sabor doce, podem ter açúcar! Por exemplo, o ketchup e o pão dos hamburgers e dos cachorros que, habitualmente, se encontram nos restaurantes de comida rápida. É importante, na altura de comprar verifique nos rótulos das embalagens, na lista de ingredientes, se existe algum destes açúcares: Sacarose, Glicose, Glucose, Dextrose, Frutose, Maltose, Maltodextrinas, Mel, Xarope de glicose, Xarope de milho.
É possível ter uma alimentação saudável, deliciosa e equilibrada, sempre a pensar no nosso organismo e na saúde oral. Aqui está uma receita bem gulosa, que poderá servir de pequeno almoço, lanche, ou sobremesa para os nossos meninos e também para si. E sobretudo amiga dos dentes porque não contém açúcar.

Receita de Panquecas amigas dos dentes. Sem açúcar. Sem glúten 

– 1/2 chávena de farinha de arroz sem glúten (encontra em qualquer supermercado, mas pode ser substituída por outra farinha a gosto)
– 1/2 chávena de leite (vegetal ou vaca)
– 1 ovo
– 1banana (ou uma maçã ralada)
– canela a gosto
– 1 colher de café de fermento
Misturar todos os ingredientes com uma liquidificadora ou varinha mágica. Com uma colher de sopa ou uma concha fazer círculos com a massa numa frigideira antiaderente e virar a panqueca assim que fizer bolhas. Estas medidas dão para 11 a 12 panquecas.
NOTA: pode acrescentar as panquecas para decoração frutas a gosto, iogurte natural e mel.